sintomas covid19

Como todo mês, no final de dezembro de 2019 listei alguns componentes eletrônicos que percebi que faltariam, fiz uma estimativa e com as experiências anteriores, comecei a comprar na primeira quinzena de janeiro de 2020.

Algo não parecia normal, os pedidos não chegavam no agente e logo enviei um email perguntando sobre a demora, a resposta foi que as encomendas atrasariam devido ao feriado do Ano Novo Chinês.

Não me alarmou, pois o estoque ainda suportaria alguns dias e nada que uma encomenda expressa não resolveria.

Foi quando noticias sobre o Corona vírus ou COVID19 começaram a surgir.

 

Componentes eletrônicos vem da China

Acredito que muitas pessoas ainda desconhecem que a maioria dos componentes eletrônicos vem da China e como sabemos existem inúmeras falsificações e como forma de eu fugir delas compro diretamente de fornecedores na qual confio. Esses fornecedores entregam em um agente.

O Agente é um armazém que consolida todos os meus pedidos e envia para o Brasil.

Desta forma, além de eu conseguir um preço melhor, a qualidade é superior a qualquer outra encomenda comprada no Aliexpress ou Ebay.

 

No último email trocado com o Agente, fui informado que os meus fornecedores não estavam funcionando e mesmo que estivessem, as entregas internas na China estavam com grandes atrasos. O próprio Agente estava trabalhando em “home office” sem previsão de normalização.

 

Porque não compramos componentes no Brasil?

Central multimídia é um ramo que interessa a poucas empresas de importação de componentes eletrônicos, alias, desconheço realmente uma que seja séria.

Em alguns casos, quando há o fornecimento de alguma peça, ela é falsificada.

As vezes encontro algumas peças no Mercado Livre, mas a qualidade é duvidosa e já tive casos de componentes recondicionados.

Como a garantia é algo que me preocupo muito e atendo todo o Brasil, qualquer fornecimento não habitual pode trazer grandes prejuízos, sem dizer a confiabilidade no nome da empresa.

 

Já não esta voltando ao normal?

A Foxconn, gigante fabricante que monta os produtos Apple, disse que suas fabricas operam hoje a 50% para não desabastecer os mercados e que espera até o final do mês a sua normalização.

O Agente disse que as coletas estão começando a ocorrer, mas as entregas ainda estão com muitos atrasos, acredita que mais 10 dias melhore.

Eu acredito que a normalização para as pequenas empresas demore mais, primeiro vão abastecer a grande cadeia produtiva.

Uma forma de precaução será aumentar nossos estoques, mas outras empresas podem não ter essas mesma facilidade.

Por fim, não estou colocando nem a alta do dólar em tudo isso, pois ela vai impactar a médio e longo prazo nossos bens de consumo.

Inscrição
Notificação
0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários