21.3 C
São Bernardo do Campo
sábado 18 maio 2024 01:42:36
InícioNotíciasStellantis desenvolve projeto de conversão elétrica em parceria com o SENAI

Stellantis desenvolve projeto de conversão elétrica em parceria com o SENAI

Em parceria com o programa SENAI A3 da Rota 2030, a Stellantis está trabalhando em um projeto de retrofit elétrico para a conversão de veículos comerciais leves novos e usados com motor a combustão.

Além da Stellantis, a iniciativa conta com a parceria das empresas Weg e FuelTech. A proposta é oferecer uma solução inovadora de mobilidade sustentável com emissão zero e assegurar qualidade na conversão de veículos como equipamento original de fábrica, garantindo segurança, durabilidade e homologação.

Um novo powertrain

Publicidadepublicidade

O processo de conversão começou em 2022, envolvendo os modelos utilitários Fiat Fiorino e Peugeot Partner Rapid. Na etapa atual do programa de desenvolvimento, é feita a remoção do powertrain a combustão e instalado o kit de conversão e o conjunto de baterias, que se aloja no compartimento de carga para evitar adaptação da estrutura.

Os testes desses carros serão em vias públicas para identificar os principais fatores técnicos e econômicos envolvendo os componentes locais dos veículos. Para isso, será realizada uma coleta de dados para entender melhor o uso e ajustar os parâmetros, caso necessário. A proposta é oferecer veículos elétricos acessíveis, destinados a profissionais com utilização urbana diária média de 100 quilômetros. Os utilitários serão disponibilizados a partir de abril para os clientes B2B selecionados.

conversão carro eletrico

Mobilidade sustentável e acessível

“A Stellantis está na corrida para construir um negócio sustentável e lucrativo que promova a economia circular nos mercados em que operamos. Essa metodologia é mais um passo na direção da oferta de mobilidade sustentável e acessível, que é nossa prioridade”, disse o diretor dos Programas e Planejamento de Produtos da Stellantis para a América do Sul, Breno Kamei. “Nesse momento, essa iniciativa está sendo desenvolvida apenas em frotas de veículos comerciais, mas a intenção é expandirmos para outros modelos, a fim de atender a todos os públicos nas próximas etapas”, acrescentou.

“Para o SENAI, o projeto representa uma excelente oportunidade para desenvolver competências, de forma a contribuir, cada vez mais, para a evolução das tecnologias voltadas para o processo de descarbonização da economia, para a sustentabilidade e economia circular. Aportando recursos, know-how e capital intelectual para o incremento da competitividade da indústria do setor, esperamos compartilhar com os parceiros do projeto os frutos do pioneirismo representado por esta iniciativa”, afirmou o gerente de Operações do Instituto SENAI de Inovação em Sistemas Embarcados, Leonardo Oliveira.

Reinaldo Soares
Reinaldo Soareshttps://reiaudio.com.br
Técnico automotivo e eletrônico, Consultor. Mais de 25 anos de experiência no ramo de som e acessórios automotivos. Já restaurei a elétrica de carros antigos, customizei motos mas minha paixão é mesmo eletrônica.
PublicidadePublicidade

Mais Populares

PublicidadePublicidade